O que é Meditaçao Shinsokan

 em Meditação

No fim do século XIX, por conta do exôdo rural de colônias japonesas provenientes de fazendas de café do interior do estado de São Paulo e de uma ascensão na conjuntura econômica da agricultura, um grande número de imigrantes japoneses passaram do status de arrendatários a agricultores independentes. Com isso, os anos que se seguiram foram responsáveis por uma crescente expansão da influência de costumes orientais nas grandes cidades brasileiras, sobretudo a difusão de religiões e tradições espirituais que hoje propagaram várias práticas, dentre elas, a Meditação  Shinsokan, aplicada pela filosofia da bastante conhecida Seicho-No-Ie (Lar do Progredir Infinito) sobre a qual será o nosso assunto de hoje aqui no blog.

Conhecendo a Meditação Shinsokan

Esta prática tem como ênfase a reunião de adeptos ou meditações individuais silenciosas baseadas em escritos e ensinamentos sagrados. Consiste em uma prece meditativa, na qual o indivíduo busca a purificação de seu ser através da eliminação de sentimentos e pensamentos negativos relacionados à tristeza,  ódio, ciúmes, mágoas, complexos, cobiça e tantos outros que se acumulam no subconsciente e afetam o alcance da saúde e da felicidade.

Nesta oração meditativa, o objetivo é se conectar com o chamado “Jisso”, isto é, a realidade perfeita criada por Deus, a natureza verdadeira do ser, a verdadeira existência ou o aspecto verdadeiro e perfeito do ser humano. O “Jisso” não faz uma revelação com os sentidos, bastando que se compreenda seu estado e dessa forma absorvendo todo o ensinamento. O praticante aprofunda-se na convicção de que Deus é seu pai celestial e projeta-se no campo central do universo simbólico, através da qual é concebida a transcendência da matéria, do corpo e da mente à conexão com o “Jisso” e a inerente perfeição do homem, das coisas e todos os seres neste mundo.

Em suma, a Meditação Shinsokan  (ver e pensar em Deus) tem como principal foco levar o praticante a transcender o plano  fenomênico-material (o mundo ilusório) e entrar em contato pleno com o mundo da imagem verdadeira, ou seja, o mundo perfeito e absoluto (verdadeiro) criado por Deus, de vida eterna, perfeita, imortal, indestrutível, imaculada, infinita e livre do pecado.

Como praticar a Meditação Shinsokan

Os praticantes se guiam pela orientação de realizar a  Meditação Shinsokan no mínimo duas vezes ao dia: ao acordar e exatamente no momento antes de dormir, com os pensamentos também voltados à saudação e culto aos antepassados, além do louvor ao Jisso.

Abaixo, listamos alguns dos “passos” para iniciantes aplicados durante a Meditação Shinsokan:

A oração tanto pode ser utilizada para auxiliar o direcionamento da fé na prática para o alcance uma meta pessoal específica, como também para buscar a visualização da perfeição da criação de Deus (Jisso) e harmonizar todos os aspectos de sua vida. Em geral, deve-se dedicar pelo menos 30 minutos para a  Meditação Shinsokan, concentrando unicamente a concentração e convicção em Deus, buscando a conexão com o perfeito.

Deve-se tomar uma postura adequada com a ordem cósmica, ou seja, mantendo  a mente e corpo organizados de forma alinhada em cada posição que se vê como natural: o que fica em cima, fica em cima; o que fica na frente, permanece à frente; atrás, o que fica atrás; e assim sucessivamente. Pés, braços e a coluna também exigem uma postura ideal para o alinhamento da mente. As mãos são elevadas à altura da cabeça, alinhadas à testa e em posição de prece, com os dedos esticados e juntos.

Em seguida, entoa-se o canto evocativo de Deus, com a convicção de que o está chamando, com foco totalmente dedicado ao Jisso, a fim de conquistar uma conexão totalmente plena com ele.

Canto Evocativo de Deus

Ó Deus-Pai, que dais vida a todos os seres viventes, abençoai-me com Vosso Espírito.

Eu vivo, não pela minha própria força, mas pela Vida de Deus-Pai que permeia os céus e a terra.

As minhas obras, não sou eu quem as realiza, mas a força de Deus-Pai que permeia os céus e a terra.
Ó Deus, que vos manifestastes através da Seicho-No-Ie para indicar o Caminho dos céus e da terra, protegei-me.

Em seguida, mentaliza-se a visualização e contempla-se um mundo infinitamente vasto repleto de esplendor, enquanto são repetidos mantras meditativos. Durante o ato, faz-se a contemplação todos os atributos de Deus em forma de luz, se envolvendo e se estendendo por toda a parte, enquanto ao mesmo tempo, trabalha-se a respiração coordenada, distribuindo toda a sensação de plenitude de forma a preencher todo o corpo, desde o alto da cabeça até a extremidade dos pés.

Quer saber mais e se aprofundar sobre a Meditação Shinsokan? Visite o site da Seicho No Ie do Brasil e confira mais informações: http://www.sni.org.br/meditacao_shinsokan.asp

Boa práticas!

 

Fontes:

A presença de valores orientais na cultura brasileira: as novas religiões japonesas* Gilberto Baptista Castilho’ Marília Gomes Ghizzi Godoy Universidade São Marcos

A Concepção Vitalista da Salvação” no Brasil: As Novas Religiões Japonesas e o Pentecostalismo

Masanobu Yamada

O mal que eu “crio” e o mal que eu “creio”: Um estudo sobre duas representações do mal divergentes

Janine Targino da Silva

Ariovaldo Adriano Ribeiro: Iniciando com a Meditação Shinsokan Básica.

 

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

0

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

pedra ametista